quarta-feira, 1 de setembro de 2010

Se sofres, não agraves ainda mais as tuas dores com pensamentos infelizes.

A irritação, o medo e a revolta deixam o doente mais doente.

Mesmo cercado de dificuldades, dispões de infinitas possibilidades para manter a paz por dentro.

Recorre à prece; abriga um pensamento otimista; incentiva no Bem quem segue contigo.

Sobretudo, confia em Deus que não desampara seus filhos.

Lembra-te de que, no mundo, as vidas seguem em direção ao seu porvir.

É provável que, em meio ao caminho, surjam pedras e calhaus a vencer.

Nada, porém, conseguirá impedir que desagues no mar do Amor Divino
onde fruirás da paz definitiva.
*****************
Scheilla

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário.