sexta-feira, 23 de dezembro de 2016

E para nós, quando Jesus nasceu?




Perguntemos a Maria de Magdala, onde e quando nasceu Jesus. E ela nos responderá:

– Jesus nasceu em Betânia. Foi certa vez, que a sua voz, tão cheia de pureza e santidade, despertou em mim a sensação de uma vida nova com a qual até então jamais sonhara.

Perguntemos a Francisco de Assis o que ele sabe sobre o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:

– Ele nasceu no dia em que, na praça de Assis entreguei minha bolsa, minhas roupas e até meu nome para segui-lo incondicionalmente, pois sabia que somente ele é a fonte inesgotável de amor.

Perguntemos a Pedro quando deu o nascimento de Jesus, Ele nos responderá:

– Jesus nasceu no pátio do palácio de Caifás, na noite em que o galo cantou pela terceira vez, no momento em que eu o havia negado. Foi nesse instante que acordou minha consciência para a verdadeira vida.

Perguntemos a Paulo de Tarso, quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:

– Jesus nasceu na Estrada de Damasco quando, envolvido por intensa luz que me deixou cego, pude ver a figura nobre e serena que me perguntava: Saulo, Saulo porque me persegue? E na cegueira passei a enxergar um mundo novo quando eu lhe disse:
– Senhor, o que queres que eu faça?!

Perguntemos a Joana de Cusa onde e quando nasceu Jesus. E ela nos responderá:
– Jesus nasceu no dia em que, amarrada ao poste do circo em Roma, eu ouvi o povo gritar:
– Negue! Negue!
E o soldado com a tocha acesa dizendo:
– Este teu Cristo ensinou-lhe apenas a morrer?
Foi neste instante que, sentindo o fogo subir pelo meu corpo, pude com toda certeza e sinceridade dizer:
– Não me ensinou só isso, Jesus ensinou-me também a amá-lo.

Perguntemos a Tomé onde e quando nasceu Jesus. Ele nos responderá:

– Jesus nasceu naquele dia inesquecível em que ele me pediu para tocar as suas chagas e me foi dado testemunhar que a morte não tinha poder sobre o filho de Deus. Só então compreendi o sentido de suas palavras:
– Eu sou o caminho, a verdade e a vida.

Perguntemos à mulher da Samaria o que ela sabe sobre o nascimento de Jesus. E ela nos responderá:
– Jesus nasceu junto à fonte de Jacob na tarde em que me pediu de beber e me disse:
– Mulher eu posso te dar a água viva que sacia toda a sede, pois vem do amor de Deus e santifica as criaturas.
Naquela tarde soube que Jesus era realmente um profeta de Deus e lhe pedi: – Senhor, dá-me desta água.

Perguntemos a João Batista quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
– Jesus nasceu no instante em que, chegando ao rio Jordão, pediu-me que o batizasse.
E ante a meiguice do seu olhar e a majestade da sua figura pude ouvir a mensagem do Alto:
– “Este é o meu Filho Amado, no qual pus a minha complacência!
– Compreendi que chegara o momento de ele crescer e eu diminuir, para a glória de Deus.

Perguntemos a Lázaro onde e quando nasceu Jesus? Ele nos responderá:

– Jesus nasceu em Betânia, na tarde em que visitou o meu túmulo e disse: – Lázaro! Levanta.
Neste momento compreendi finalmente quem Ele era… A Ressurreição e a Vida!

Perguntemos a Judas Iscariotes quando se deu o nascimento de Jesus. Ele nos responderá:
– Jesus nasceu no instante em que eu assistia ao seu julgamento e a sua condenação.
Compreendi que Jesus estava acima de todos os tesouros terrenos.

Perguntemos a Bezerra de Menezes o que ele sabe sobre o nascimento de Jesus e ele nos responderá:

– Jesus nasceu no dia em que desci as escadas da Federação Espírita Brasileira e um homem se aproximou dizendo:
– Vim devolver-lhe o abraço que me deste em nome de Maria, porque renovei minha fé e a confiança em Deus.
Foi naquele instante que percebi a Sua misericórdia e o Seu imenso amor pelas criaturas.

Perguntemos, finalmente, a Maria de Nazaré onde e quando nasceu Jesus. E ela nos responderá:
-Jesus nasceu em Belém, sob as estrelas, que eram focos de luzes guiando os pastores e suas ovelhas ao berço de palha. Foi quando o segurei em meus braços pela primeira vez e senti se cumprir a promessa de um novo tempo através daquele Menino que Deus enviara ao mundo, para ensinar aos homens a lei maior do amor.


Se perguntarmos a tantos outros seguidores do Cristo, cada um dará seu testemunho a respeito de quando Jesus nasceu. E PARA NÓS, QUANDO JESUS NASCEU? E SE DESCOBRIRMOS QUE ELE AINDA NÃO NASCEU? Então, procuremos, urgentemente, fazer com que ele nasça, porque quando isso acontecer, teremos finalmente entendido o significado do Natal e verdadeiramente encontrado a luz.

Todos nós queremos que Jesus fique nossa companhia; todos nós queremos que Jesus habite em nossa casa. Eu pergunto o que temos feito para Jesus ficar em nossa companhia?... O tempo passa e a oportunidade desaparece. Decida hoje, agora, já! O Cristo bate às nossas portas para entrar, e ficar conosco, sempre. Depende de nós, querermos ou não, recebe-lo e deixar que Ele nos domine e inspire pela fé que ilumina e que nos salva pela verdade. Somente poderemos mudar de pensamento com a presença de Jesus no coração; abramo-lo, para que Ele possa entrar e reinar no centro de nossas vidas.
**********************************
Fraternidade Espírita Cristã Joseph Gleber
Visão Espírita.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário.